Meu AdoroCinema
As Aventuras de Tadeo
Críticas AdoroCinema
3,5
Bom
As Aventuras de Tadeo

Aventura arqueológica

por Lucas Salgado

As Aventuras de Tadeo em 3D talvez seja a animação espanhola mais americana que existe. E isso não se deve apenas a qualidade do desenho, mas também pelo espírito aventureiro, as cenas de ação e também pela visão que tem dos países latino-americanos.

Foto - FILM - Aventuras de Tadeo Jones : 207033Indicado a cinco prêmios no Goya, incluindo Melhor Animação e Melhor Roteiro Adaptado, o longa conta a divertida história de Tadeo Jones, um simples operário que é fascinado por arqueologia. Determinado dia, acaba enviado para uma expedição no Peru, onde se depara com uma organização internacional especializada em roubar descobertas arqueológicas.

Tadeo conta sempre com a ajuda de seu fiel cachorro Jeff, da professora Sara e do guia/motorista/ambulante Freddy. Jeff lembra um pouco o falante cachorro de Up - Altas Aventuras, enquanto que Sara talvez seja a personagem mais latina da produção, pelo menos no modo caliente que é tratada. Já Freddy talvez seja o personagem mais equivocado do longa, sendo extremamente estereotipado. Trata-se de um guia especializado em vender todo e qualquer tipo de geringonça, e apaixonado por novelas. Em termos de retratar uma versão caricata da América Latina, As Aventuras de Tateo erra mais do que Rio, por exemplo.

Foto - FILM - Aventuras de Tadeo Jones : 207033De qualquer forma, a animação dirigida por Enrique Gato é bem sucedida em seu objetivo principal: entreter. Tem personagens e situações bem divertidas, funcionando como comédia, mas também como aventura.

Las Aventuras de Tadeo Jones (no original) conta com uma série de referências a produções hollywoodianas. Além da citação clara a Indiana Jones - através inclusive da trilha sonora -, o filme faz menção a clássicos como Star Wars e os longas de James Bond.

Oscar Barberán, Jose Mota, Michelle Jenner e Adam James integram o elenco de vozes original. No Brasil, a boa dublagem foi feita por Clécio Souto, Luisa Palomanes, Sérgio Stern e Jorge Lucas. A opção da distribuidora em não rechear o filme com vozes de famosos e utilizar dubladores de carreira se mostrou acertada. Os personagens ganham vida na versão nacional.

O filme é esforçado, contando com uma trilha sonora bem encaixada e efeitos de boa qualidade. Fosse o roteiro um pouquinho melhor trabalhado poderíamos ter uma animação ainda mais especial.

Quer ver mais críticas?
  • As últimas críticas do AdoroCinema

Comentários

Mostrar comentários
Back to Top