Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    A Última Noite de Boris Grushenko
     A Última Noite de Boris Grushenko
    / 1h 25min / Comédia, Histórico
    Direção: Woody Allen
    Elenco: Woody Allen, Diane Keaton, Georges Adet
    Nacionalidades EUA, França
    Ver o trailer
    notar :
    0.5
    1
    1.5
    2
    2.5
    3
    3.5
    4
    4.5
    5
    Vou ver

    Sinopse e detalhes

    Um russo (Woody Allen), na véspera de ser executado pelo franceses por um assassinato que não cometeu, recorda toda a sua vida desde criança até ser forçado a se alistar e defender seu país da invasão napoleonica, que ironicamente lhe propiciou condecorações quando se tornou acidentalmente um herói. No entanto sua situação se complica, pois se casa com a mulher que sempre amou, mas esta planeja matar Napoleão.

    Título original

    Love and Death

    Distribuidor Metro Goldwyn Mayer (MGM)
    Ver detalhes técnicos
    Ano de produção 1975
    Tipo de filme longa-metragem
    Curiosidades 4 curiosidades
    Orçamento 3 000 000 $
    Idiomas Inglês
    Formato de produção -
    Cor Colorido
    Formato de áudio -
    Formato de projeção -
    Número Visa -

    Trailer

    A Última Noite de Boris Grushenko Trailer Original 2:25
    A Última Noite de Boris Grushenko Trailer Original
    688 visualizações
    Pela web

    Elenco

    Woody Allen
    Personagem : Boris Grushenko
    Diane Keaton
    Personagem : Sonja
    Georges Adet
    Personagem : Velho Nehamkin
    Féodor Atkine
    Personagem : Mikhail
    Ficha completa

    Comentários do leitor

    Francisco Russo
    Francisco Russo

    Segui-los 5695 seguidores Ler as 687 críticas deles

    1,5
    Enviada em 9 de fevereiro de 2012
    Detesto ter que dizer isso, mas desta vez Woody Allen me decepcionou. Allen é meu diretor favorito e fez pérolas como "A Rosa Púrpura do Cairo", "Um Misterioso Assassinato em Manhattan", "Zelig" e "Manhattan", mas aqui ele soa teatral demais, farsesco demais. O tom de farsa declarada não convence e em poucos momentos provoca risadas. Além disso, Diane Keaton apesar de aparecer belíssima tem uma atuação pouco inspirada, ...
    Leia Mais
    c4rlc4st
    c4rlc4st

    Segui-los 185 seguidores Ler as 279 críticas deles

    3,0
    Enviada em 8 de agosto de 2018
    Um texto divertido e afiado, nada mais que isso. A gente sempre espera mais de Woody Allen, mas como entretenimento funciona muito bem.
    Matheus
    Matheus

    Segui-los 2 seguidores Ler as 60 críticas deles

    2,5
    Enviada em 9 de fevereiro de 2012
    Inquestionavelmete,a melhor comédia que já vi, simplesmente perfeita, deliciosamente bem feita essa sátira da literatura russa é deliciosa de se ver há cenas memoráveis, como a de Borias sendo atirado do canhão e a dança coma morte! pra que gosta de boas comédias, um prato cheio INDISPENSÁVEL.
    3 Comentários do leitor

    Fotos

    11 Fotos

    Curiosidades das filmagens

    Referência

    A cena do trigo, no final do filme, parodia o estilo visual de Quando Duas Mulheres Pecam (1966). A justaposição de faces é uma homenagem efeito usado pelo diretor Ingmar Bergman, do qual Allen é fã assumido.

    Precaução

    Woody Allen ficou tão preocupado com a qualidade dos alimentos de Budapeste que consumiu apenas comida enlatada e água engarrafada que tinha trazido dos Estados Unidos. Como resultado, Allen foi um dos poucos dos poucos envolvidos no filme que não sofreu disenteria durante as filmagens.

    Parceria duradoura

    Este é o segundo de sete filmes em que Woody Allen e Diane Keaton trabalharam juntos. Os demais foram O Dorminhoco (1973), Noivo Neurótico, Noiva Nervosa (1977), Interiores (1978), Manhattan (1979), A Era do Rádio (1987) e Um Misterioso Assassinato em Manhattan (1993).
    4 curiosidades

    Últimas notícias

    Filmes na TV: Hoje tem O Regresso e Irmãos Gêmeos
    PLAYLIST - Lançamentos
    sábado, 19 de novembro de 2016

    Se você gosta desse filme, talvez você também goste de...

    Mais filmes similares

    Comentários

    Mostrar comentários
    Back to Top