Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Reflexões de um Liquidificador
    Média
    3,8
    62 notas e 13 críticas
    distribuição de 13 críticas por nota
    3 críticas
    6 críticas
    2 críticas
    2 críticas
    0 crítica
    0 crítica
    Você assistiu Reflexões de um Liquidificador ?

    13 críticas do leitor

    Crismika
    Crismika

    Segui-los 210 seguidores Ler as 325 críticas deles

    3,5
    Enviada em 28 de maio de 2020
    Excelente comédia de humor ácido com ótimas reflexões de um liquidificador interpretado por Selton Mello, vale boas risadas nada mais. Puro entretenimento.
    Luana O.
    Luana O.

    Segui-los 23 seguidores Ler as 250 críticas deles

    4,0
    Enviada em 10 de maio de 2020
    O filme faz uma reflexão bem ampla do ser humano e do cotidiano. A narração é perfeita na voz de Selton Melo. Cumpre o papel: entreter.
    wesleyaxe
    wesleyaxe

    Segui-los 6139 seguidores Ler as 680 críticas deles

    4,0
    Enviada em 9 de fevereiro de 2012
    Muito interessante esse filme! Pelo fato de um título que dá uma a noção de uma estória simplória, o filme consegue prender a atenção sem se tornar chato ou cansativo, além de que é muito diferente do convencional, com uma ótima narrativa de Selton Mello dando voz a um liquidificador com pensamentos e reflexões sobre um cotidiano de forma reta e sem rodeios. Muito bom!
    Daniel N.
    Daniel N.

    Segui-los 3891 seguidores Ler as 578 críticas deles

    2,5
    Enviada em 22 de setembro de 2020
    Fui com base em recomendação de site... que viagem... que viagem. Mas uma ótima atuação da protagonista e a narração do Selton Melo tornam menos sem graça.
    infeto
    infeto

    Segui-los Ler as 3 críticas deles

    2,5
    Enviada em 9 de fevereiro de 2012
    "Psiu, Elvira, Elvira, aqui, sou eu... o liquidificador" é assim que começa o extravagante relacionamento entre Elvira (Ana Lúcia Torre) e seu Liquidificador (Voz de Selton Melo), que logicamente pensa que está caduca, mas ao ter que explicar o que é caduquice ao seu novo amigo, descobre que arranjou realmente um diferente e sagaz aliado. Um filme quimérico, como poucos feitos aqui no Brasil, atípico certamente muito diferente das coisas que os telespectadores brasileiros estão acostumados a degustar. Reflexões de um Liquidificador é um filme irreverente e absurdamente surpreendente em tudo que se possa imaginar. Um elenco pequeno, mas que não deixa nada a desejar. Cheguei a imaginar outra pessoa no lugar de Ana Lúcia Torre, talvez Laura Cardoso, mas aos poucos fica claro que não há mudança necessária, essa atriz da um show de interpretação e torna-se insubstituível nesse longa. Um liquidificador que depois de ter uma de suas peças trocadas, ganha vida e desencadeia a particularidade de ver, ouvir, pensar e refletir sobre o mundo ao seu redor. Passa os dias fazendo vitaminas e sucos dos mais variados tipos e para um grande número de fregueses da lanchonete que seus donos possuem - Dona Elvira e Seu Onofre. Depois do fechamento da lanchonete ele passa a ser um utensílio doméstico e se sentindo cada vez mais solitário resolve se apresentar a sua dona, que por sua vez, leva uma vida de dona de casa num bairro periférico, só tendo contato com seu esposo, que após o fechamento da lanchonete, conseguiu um emprego de vigia noturno, o Carteiro, sua vizinha muito bem interpretada por Fabíula Nascimento e o seu liquidificador. A intensificação da relação entre os dois se dá em torno do desaparecimento de Onofre, o esposo de Elvira, que agora fica em casa o dia todo sozinha com o liquidificar, tendo apenas as visitas da vizinha Milena, do Carteiro e do Investigador que fora designado para cuidar do caso do desaparecimento.  Na medida em que a trama vai se desenrolando, não se sente falta de outros personagens, pois os diálogos entre o liquidificador e sua dona são mais que suficientes para manter o telespectador saciado diante da tela e ao ser desvendado o desaparecimento de seu Onofre é revelada a ligação macabra entre Elvira e seu cúmplice eletrodoméstico em uma das cenas mais excitantes, sádica, perversas e excêntricas que o cinema brasileiro certamente até hoje já pôde produzir, a coisa é tão bem feita, mas tão bem feita que o que poderia ser chocante, escandaloso e hediondo, torna-se totalmente agradável, leve, necessária, reveladora e inspiradora. Reflexões de um Liquidificar traz planos, enquadramento e montagem de cenário perfeitas, humor negro, diálogos contundentes filosóficos de um motor e uma atmosfera cômica sombria sobre toda a situação inusitada, mas em momento alguma faz parecer  "absurda ou exorbitante". Como diz o Liquidificar, "ser máquina, ser motor, aliás, não ser gente já é uma forma de ser feliz.", e isso é passado delicadamente aos telespectadores, afinal "moer é pensar, pensar é moer" e certamente esse filme garantirá a certeza de moer muita coisa além de altas gargalhadas.
    Ana Clara Belem
    Ana Clara Belem

    Segui-los Ler a crítica deles

    5,0
    Enviada em 1 de junho de 2020
    O filme é excelente em roteiro, direção de arte, de fotografia. Uma obra prima nacional com uma possível influência de Hitchcock. Passional, cotidiano, brasileiro e fantástico.
    mochales
    mochales

    Segui-los Ler a crítica deles

    5,0
    Enviada em 9 de fevereiro de 2012
    Muito 10 este filme! Parabéns... Excelente atuação dos atores e destaque pra trilha sonora que é maravilhosa!
    Quer ver mais críticas?
    • As últimas críticas do AdoroCinema
    Back to Top