Meu AdoroCinema
    Os Esquecidos
    Os Esquecidos
    Duração 1h 25min
    Direção: Luis Buñuel
    Elenco: Roberto Cobo, Miguel Inclan, Alma Delia Fuentes mais
    Gêneros Drama, Policial
    Nacionalidade México
    Ver o trailer
    Usuários
    3,3 8 notas e 2 críticas
    notar :
    0.5
    1
    1.5
    2
    2.5
    3
    3.5
    4
    4.5
    5
    Vou ver

    Sinopse e detalhes

    Nos subúrbios da Cidade do México um grupo de jovens delinqüentes passa os dias cometendo pequenos roubos. Um fugitivo de um reformatório, Jaibo (Roberto Cobo), por ser mais velho e experiente se torna o líder natural deles. Um dia, na companhia de Pedro (Alfonso Mejía), Jaibo se descontrola e espanca Julian (Javier Amézcua) até a morte, pois supostamente este o teria delatado. Pedro, que tem uma grande necessidade de carinho materno mas é ignorado por sua mãe (Estela Inda), carrega um sentimento de culpa por se considerar cúmplice de Jaibo, que se comporta como se nada tivesse acontecido. Jaibo ainda tenta seduzir a mãe de Pedro, que não lhe dá nenhuma abertura, fazendo com que o confronto entre Jaibo e Pedro seja algo inevitável.
    Título original

    Los Olvidados

    Distribuidor -
    Ver detalhes técnicos
    Ano de produção 1950
    Tipo de filme longa-metragem
    Curiosidades -
    Orçamento -
    Idiomas Espanhol
    Formato de produção -
    Cor Preto & Branco
    Formato de áudio -
    Formato de projeção -
    Número Visa -

    Trailer

    Os Esquecidos Trailer Original 3:31
    Os Esquecidos Trailer Original
    431 visualizações
    Pela web

    Elenco

    Roberto Cobo
    Personagem : El Jaibo
    Miguel Inclan
    Personagem : The blind Man
    Alma Delia Fuentes
    Personagem : Meche
    Ficha completa

    Críticas de usuários

    Rafael V
    Crítica positiva mais útil

    por Rafael V, em 07/03/2010

    2,5Regular
    Os esquecidos: O melhor filme de Buñuel, uma crítica virulenta ao abandono em que vivem milhares de crianças de rua. ...
    Leia mais
    Rafael V
    Crítica negativa mais útil

    por Rafael V, em 07/03/2010

    2,5Regular
    Os esquecidos: O melhor filme de Buñuel, uma crítica virulenta ao abandono em que vivem milhares de crianças de rua. ...
    Leia mais
    Todas as críticas de usuários
    0% (0 crítica)
    0% (0 crítica)
    0% (0 crítica)
    100% (2 críticas)
    0% (0 crítica)
    0% (0 crítica)
    Você assistiu Os Esquecidos ?
    2 Críticas de usuários

    Fotos

    28 Fotos

    Se você gosta desse filme, talvez você também goste de...

    Mais filmes similares

    Comentários

    • António
      Após ter visto alguns dos excelentes filmes surrealistas, sobretudo da sua fase francesa dos anos 60 e 70, do mestre (desse mesmo surrealismo) Luis Bunuel, dos quais considerei le charme discret de la bourgeoisie o seu expoente máximo, fiquei surpreendido ao ver este filme deste cineasta, aqui numa incursão extremamente bem conseguida no campo do neo-realismo (embora o surrealismo também esteja presente em algumas cenas). Um filme intemporal. O que vemos na tela como uma realidade do México em 1950, continua a ser uma realidade hoje em muitos locais do mundo (eu, que trabalhei recentemente em países de África durante 6 anos não esqueço a realidade que vi, dia a dia, bem de perto, e que é muito próxima da que visualizamos no filme). Ontem como hoje, a sociedade continua a corromper os indivíduos, aqui personificados na personagem do pequeno Pedro. As intenções dele até eram boas, mas por vezes é muito complicado lutar contra uma espécie de destino que já parece traçado. Torna-se mesmo muito difícil para muitos contrariar ou fugir a uma espécie de propagação do mal, que parece estar (e cada vez mais) instituída e enraizada na sociedade e que acaba por destruir ou corromper os indivíduos, mesmo aqueles dotados de uma espécie de mágica pureza (ou pelo menos, alguma). O tom pessimista do filme, embora possa não agradar a muitos, tem toda a razão de ser, pois é esta a realidade das coisas. Em cada 100 histórias semelhantes à do filme, há 99 que não terminam bem.
    Mostrar comentários
    Back to Top