Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Guardiões da Galáxia
    Média
    4,6
    8447 notas e 979 críticas
    distribuição de 979 críticas por nota
    481 críticas
    347 críticas
    115 críticas
    24 críticas
    8 críticas
    4 críticas
    Você assistiu Guardiões da Galáxia ?

    979 críticas do leitor

    William di Souzah
    William di Souzah

    Segui-los 56 seguidores Ler as 9 críticas deles

    4,5
    Enviada em 1 de agosto de 2014
    Lembro quando a Marvel anunciou Guardiões da Galáxia há 2 anos e a minha reação inicial foi, "que diabos Guardiões da Galáxia está fazendo nos planos da Marvel?" Eu conhecia pouco do material original e fiquei perplexo. Confesso que fiquei com os dois pés atrás, não levei fé que daria certo. Mas quando foi divulgado o primeiro trailer do filme, tudo mudou. Era tão diferente de tudo que a Marvel já tinha feito antes que eu imediatamente me apaixonei e não podia esperar para ver. Mas no fundo me questionava: Poderia esta pequena brincadeira sci-fi bizarra(sério, tem um Guaxinim cara!!) com um elenco de personagens desconhecidos realmente funcionar? A resposta é um sonoro "SIM". Guardiões da Galáxia não é apenas um filme excepcionalmente bem feito baseado em quadrinhos , mas sim um filme excepcionalmente bem feito. O aventureiro Peter Quill(Chris Pratt) rouba uma esfera pertencente ao poderoso vilão Ronan, e passa a ser procurado por vários caçadores de recompensas. Para escapar ao perigo, ele une forças com quatro personagens fora do sistema: Groot(Vin Diesel), Gamora (Zoe Saldana), Rocket Racoon (Bradley Cooper) e Drax, o Destruidor (Dave Bautista). Mas Quill descobre que a esfera roubada possui um poder capaz de mudar os rumos do universo, e logo o grupo deverá proteger o objeto para salvar o futuro da galáxia. Se você acha que a Marvel trabalhou bem os personagens principais em "Os Vingadores", espere até ver "Guardiões da Galáxia". TODOS os cinco estão em destaque, TODOS são igualmente importantes, TODOS tem momentos de emoção. Méritos para James Gunn, este filme não teria sido tão bom com outra pessoa no comando. Guardiões possui divertimento ininterrupto, onde até nos momentos de ação e tensão consegue arrancar risadas, ao mesmo tempo que surgem alguns momentos surpreendentes de emoção de seu grupo desorganizado de anti-heróis. O elenco está muito bem sincronizado. Vin Diesel consegue com apenas três palavras conquistar toda a platéia. Mas posso falar que minha surpresa foi Davi Bautista como Drax,o destruidor. O ex-lutador de MMA mostrou muito talento na atuação do personagem. Os efeitos especiais estão ótimos, o nível técnico, é surpreendente. Mas um dos principais destaques ficam com a trilha sonora, embalando as sequências do filme. Com músicas como "Hooked on a Feeling", "I Want You Back" entre outras famosas, não tem como o público não querer cantar (e dançar) junto. Enfim, Guardiões da Galáxia é inteligente, engraçado e muito maravilhoso em seus próprios méritos. Este é o tipo de filme que faz você implorar pela sequência. Guardiões da Galáxia é um verdadeiro presente para os amantes de sci-fi/cinema/quadrinhos e diversão, principalmente diversão. PS.: Aguarde a cena pós-crédito. É ao mesmo tempo uma cena inútil,mas que você pensa:"Eu não acredito que vão fazer isso!! Que demais!!!"
    Juarez Vilaca
    Juarez Vilaca

    Segui-los 1730 seguidores Ler as 393 críticas deles

    4,0
    Enviada em 31 de julho de 2014
    Excelente filme, para quem gosta do gênero. Muita ação, efeitos especiais, desempenho dos atores principais e direção. Lembra um pouco Star Wars com suas guerras estelares e super-vilões. Vai ser uma nova franquia de ficção. Vale a pena.
    Alexandre S.
    Alexandre S.

    Segui-los 103 seguidores Ler as 116 críticas deles

    5,0
    Enviada em 2 de agosto de 2014
    Sim, meus amigos, a Marvel conseguiu de novo!! Aqui no Brasil, "Guardiões da Galáxia" não são tão conhecidos. Uma equipe que já teve várias formações mas nunca conseguiu ser "Os Vingadores". Com uma aposta arriscada (assim como foi o Homem de Ferro), a Marvel Studios resolver expandir seu universo cinematográfico para o espaço e apostou nessa equipe pouco conhecida. Mas como falei, a Marvel parece que sabe o que faz. A escolha do elenco, o roteiro que te convence, o roteiro que consegue não só apresentar e introduzir todos os personagens como desenvolver todos com extrema facilidade. Efeitos especiais de encher os olhos (principalmente no 3D) fazem de "Guardiões da Galáxia" o "Star Wars" da Marvel, que querendo ou não, em vários momentos te faz pensar em comparações entre os filmes. Chris Pratt muito bem no filme, assim como o resto do elenco. Vin Diesel e Bradley Cooper, dublando Groot e Rocket, arrebentam (pro Diesel era mais fácil). Trilha sonora memorável e grande trunfo, pois dá todo ritmo necessário a trama. Como bom fã da Marvel que sou, recomendo!
    Flávio Gomes
    Flávio Gomes

    Segui-los 12 seguidores Ler as 11 críticas deles

    5,0
    Enviada em 14 de agosto de 2014
    Nos confins do Universo, a Marvel Studios apresenta seu filme mais audacioso e arriscado desde Homem de Ferro (2008), e o resultado, a aventura cósmica mais engraçada e emocionante como há muito tempo não se via nos cinemas. James Gunn (Que merece um prêmio à parte pela trilha sonora repleta de clássicos dos anos 80), fez desse o melhor filme de sua carreira, e ao mesmo tempo, o filme, mas distante de todo o Universo Marvel, mas dentro do mesmo, com pequenos "easter eggs" e claro e uma pequena participação de um “Titã Louco (Josh Brolin)”. E fascinante o trabalho de direção e roteiro de James Gunn e de sua parceira Nicole Perlman (roteirista) em Guardiões da Galáxia, tudo e tão fantástico e ao mesmo tempo tão tangível que você saiu do cinema realmente acreditando que um Guaxinim “Rocket Raccon” (Voz de Bradley Cooper), pode falar, atirar, pilotar e tirar sarro dos outros, e uma Árvore “Grott” (Voz de Vin Diesel), pode ser na mesma proporção, o ser mais puro e com o coração do Universo, como um guerreiro extremamente forte e destemido. Porém, se no quesito técnica e Efeitos Especiais, Guardiões tira de letra, no quesito elenco não se pode dizer o contrario, começando com aquele que para muitos e o novo “Han Solo” da nova geração, Peter Jason Quil ou Senhor das Estrelas (Chris Pratt), um cara que leva a vida como ladrão, mulherengo e sem compromisso, e que usa, mas a malandragem para fugir de confusões, Gamora (Zoe Saldana) como a “Mulher mais perigosa do Universo” e Drax (Dave Bautista) como a força bruta do grupo e que não entende sobre “figura de linguagem”. A ação e outro atrativo a parte, cenas de lutas coreografadas e executadas de uma maestria que você fica de boca-aberta pela perfeição, combates aéreos de cair o queixo no melhor estilo "Star Wars" que você fica querendo mais e mais de toda a ação que esta acontecendo. O elenco e Incrível, a Musica e Sensacional, a Ação e Perfeita, o Roteiro e Muito bem Escrito, E a Direção e Firme e Elegante, mas a questão aqui e o grupo, como eles se conhecem, se unem e se tornar os “Guardiões”, e por isso que o filme ganha ainda mais pontos, por desenvolver o “Grupo” não apenas um ou outro, mas sim o “TODO” como se realmente eles fossem uma família. Desde já, junto com Os Vingadores, Capitão América 2: Soldado Invernal e Homem de Ferro, Guardiões da Galáxia entra para o Hall da Fama dos Melhores Filmes da Marvel Studios.
    Sidney  M.
    Sidney M.

    Segui-los 16810 seguidores Ler as 1 082 críticas deles

    4,5
    Enviada em 31 de julho de 2014
    Extremamente divertido, com diálogos excelentes e um elenco afinado. Sem dúvidas uma das surpresas do ano. Ótimo!
    Mateus S.
    Mateus S.

    Segui-los 60 seguidores Ler as 36 críticas deles

    5,0
    Enviada em 2 de agosto de 2014
    Guardiões da Galaxia é com toda a certeza o filme mais arriscado e diferente já feito da Marvel. E também muito ambicioso. De início podemos ver um protagonista nada heróico, descarado e que só se preocupa com seu bem estar (e dinheiro). Outra coisa que torna o filme único é que neste filme o foco do diretor é fazer as pessoas rirem. Sim, temos várias cenas cômicas em Vingadores e outros filmes da Marvel, mas este é definitivamente comédia. Mas claro, como todo filme da Marvel, há maravilhosas cenas de ação. O roteiro do filme é ótimo. Primeiramente, a união do grupo não é forçada, mas sim necessária, o que é muito bom. Em segundo, a personalidade dos personagens não muda no decorrer do filme. Há sim um crescimento de heroísmo em cada um, mas a essência dos personagens é mantida até o fim. Eles não se aventuram juntos pelo espaço por gostarem um do outro, mas sim por terem um objetivo em comum. O roteiro é bastante coerente, levando em consideração que é um filme de Super-Heróis. O ponto principal é a ligação com o restante do Universo Marvel. Somos melhores apresentados neste filme à Thanos (Josh Brolin) e conhecemos também melhor sobre as Jóias do Infinito. O ponto fraco do roteiro é a mudança das origens de alguns personagens. O motivo talvez seja tempo. Explicar como cada personagem se tornou este personagem da maneira como os quadrinhos fazem é muito difícil e demorado. O elenco também merece um grande destaque. Chris Pratt (Uma Aventura Lego) interpreta o Senhor das Estrelas. O ator arrasa no papel. Para os fãs de Star Wars, o personagem pode lembrar bastante Han Solo (Aliás, o filme todo lembra muito Star Wars, não só por se passar no espaço, mas também por ter muitos elementos parecidos). Zoe Saldana (Star Trek) interpreta Gamora, uma super assassina. Uma personagem bem construída no filme, mesmo que seus motivos não sejam muito bons. Dave Bautista (O Homem com Punhos de Ferro) interpreta Drax O Destruidor. É o brutamontes da equipe e também o burro. Bradley Cooper (Se Beber, não Case) dubla Rocket Raccon. Com toda a certeza, o melhor personagem do filme. Ele é simplesmente hilário. E um destaque para a equipe de computação gráfica. Que belo trabalho. Por último, nós temos Vin Diesel (Velozes e Furiosos) dublando Groot. Não é um grande papel, já que o personagem só diz: "Eu sou Groot" para expressar tudo o que sente, mas não deixa de ser um personagem bastante interessante. Por mais que o roteiro e o elenco seja ótimo, o grande destaque fica para a trilha sonora. Não há como sair decepcionado de um filme quando ele encerra com Jackson Five. O filme todo só contém música dos anos 70 e 80, que tornam o filme ainda mais divertido. Guardiões da Galáxia supera as expectativas. Além de proporcionar boas risadas, proporciona ótimas cenas de ação e uma trilha sonora incrível. O filme não é tão ligado com o restante do Universo Marvel, mas a aparição de Thanos já satisfaz todos no cinema.
    Kaio S.
    Kaio S.

    Segui-los 3 seguidores Ler a crítica deles

    5,0
    Enviada em 9 de agosto de 2014
    Muito bom, um filme muito interessante e divertido, com certeza um dos melhores da Marvel.
    Tárcio S.
    Tárcio S.

    Segui-los 19 seguidores Ler as 4 críticas deles

    1,5
    Enviada em 15 de fevereiro de 2015
    muita viagem ,historia totalmente sem objetividade ... espero que tenha um segundo filme para continuidade.
    anônimo
    Um visitante
    4,5
    Enviada em 19 de outubro de 2015
    Bem!Talvez seja bem fácil falar de um filme,que é fácil de assistir.Guardiões da Galaxia,não chega com uma história que precisa de bastante atenção.A história é simples,e repleta de boas coisas.Ao começar você já irá ver uma situação bem dramática,sobre a família de Peter.Logo de cara,já começa bem.Com o andamento,tudo em si melhora.Uma reunião de boas coisas e gêneros.Ação,Ficção,Drama e bastante comédia.Talvez seja pelo o fato de quem está no comando,é o diretor James Gunn.Mesmo não sendo tão conhecido por aqui,e muito menos por dirigir muitos e bons filmes,ele consegue manter uma irreverência que adquiriu quando comandou Super e Para Maiores,que com dezenas de diretores formou uma história bem sacana,aprontando com um elenco bem rico (literalmente).Em Guardiões da Galáxia,ele tem em suas mãos mais uma vez,um bom elenco,e uma boa história.Aproveita ao máximo Chris Pratt,até porque é um dos grandes destaques mesmo,e o transforma em um dos queridinhos da nova aventura Marvel.Tem também,a sempre linda e formosa,Zoe Saldana e Dave Bautista,que mostrou que não consegue trabalhar apenas com músculos em frente as câmeras,se mostrou emotivo,e sempre esbanjando bom humor,ao lado de seus companheiros.Já pelo o lado de seres raros,temos Groot e Rocket.Por um lado,temos algo que não fala absolutamente nada,mas em compensação de Rocket,um ser pequeno,mais que fala pelo os cotovelos.É sim um dos responsáveis pela equipe também,mesmo sendo na maioria das vezes excluído e discriminado.Outro ponto que causa boas reações,é a trilha sonora.É típico daqueles filmes,em que você se entusiasma ainda mais em cada cena em que toca bons clássicos do passado.E não se pode deixar de lado,que também é um fortíssimo candidato ao Oscar,de melhores efeitos e Maquiagem.
    Bruno G.
    Bruno G.

    Segui-los 21 seguidores Ler a crítica deles

    4,5
    Enviada em 5 de agosto de 2014
    "Pote de ouro" da galáxia. E não é que o filme mais arriscado da Marvel até o momento, que tem os personagens mais desconhecidos e uma história do espaço sideral difícil de ser contada, deu certo. Na verdade, deu mais do que certo, Guardiões da Galáxia é o melhor filme da fase 2 da Marvel, até agora. Calma, vamos recapitular: a 1° fase começou com o muito bom Homem de Ferro (2008) e terminou com o excelente Os Vingadores (2012). E então, se iniciou a fase 2 com Homem de Ferro 3 (2013), Thor: O Mundo Sombrio (2013), Capitão América 2: O Soldado Invernal (2014) e chegamos ao melhor desta fase, até agora, com o Guardiões da Galáxia (2014). Ah, mas e o por quê do até agora? Simples, porque ainda falta a "cereja do bolo", Os Vingadores: A Era de Ultron, mas isso é assunto para 2015. Temos que "tirar o chapéu" pela competência da Marvel de acertar em cheio na escalação do elenco da maioria de seus filmes. Teria como imaginar outro ator que não fosse Robert Downey Jr. no traje do Homem de Ferro? E o que falar da fantástica atuação de Tom Hiddleston como o vilão Loki. Em Guardiões da Galáxia vemos mais acertos, que vai da escolha de Chris Pratt como o Peter Quill, protagonista da história, até a sensacional voz de Bradley Cooper, que dá vida ao simpático guaxinim falante Rocket Racoon. Mas, tudo isso não valeria de nada se não fosse pelo roteiro digno de pelo menos 4 estrelas. É aí onde se encontra o "pote de ouro". Meus parabéns a James Gunn e Nicole Perlman. Eles não tiveram outros filmes para explicar a origem de cada guardião para juntar todos no final. Conseguiram, com maestria, contar origem, construir personalidade de cada um dos 5 personagens principais da trama e reuni-los em prol de um objetivo em comum: salvar a galáxia. O vilão em destaque, Ronan O Acusador (Lee Pace), tem uma motivação interessante. O humor, e põe humor nisso, é muito bem apresentado, com ótimas piadas para todos os gostos, inclusive é o filme mais engraçado da Marvel. Para completar, os efeitos visuais são de tirar o fôlego, os planetas apresentados, as naves, tudo. E isso inclui o ótimo figurino e maquiagem impecável. Não poderia esquecer da contagiante trilha sonora, com músicas dos anos 70 e 80 que dá até vontade de pular da poltrona e dançar, em especial, no começo do filme quando Peter Quill (Chris Pratt) está em busca do Orbe ao som de Red Bone - Come and Get Your Love. Como dito antes, por toda a dificuldade de adaptação e transformando uma dúvida em certeza de sucesso, é o melhor filme da fase 2 da Marvel até o momento, e vale cada centavo do ingresso.
    Quer ver mais críticas?
    • As últimas críticas do AdoroCinema
    Back to Top