Meu AdoroCinema
Dentro da Casa
Críticas AdoroCinema
5,0
Obra-prima
Dentro da Casa

Uma história fora do comum

por Roberto Cunha
Festivais de cinema são oportunidades interessantes de se entrar em contato com títulos que muitas vezes acabam não estreando e são verdadeiras pérolas. Dentro de Casa é um exemplo brilhante. Exibido no Festival do Rio 2012, ele chega somente agora nas salas brasileiras e tem grandes chances de capturar o público com sua trama, que flerta com o drama, a comédia e o suspense.

Foto - FILM - Dans la maison : 193715A vida do professor Germain (Fabrice Luchini) não estava lá essas coisas. Ele já não escondia seu cansaço de lidar com alunos cada vez mais idiotas e incentivá-los a ler para poder escrever melhor era um martírio que parecia não ter fim. Um dia, uma supresa. No meio de textos desprezíveis uma redação altamente sedutora e, melhor, com um final em aberto. Nela, o adolescente Claude (Ernst Umhauer) relata seu contato com a família de um colega, salienta sua intenção de fazer parte daquele núcleo e, em especial, seu desejo pela mãe do amigo, vivida pela sempre exótica Emmanuelle Seigner. Animado com o estilo da escrita e também com essa coisa edipiana, o adulto incentiva a continuidade a cada novo encontro, o jovem atende ao pedido, mas esconde um detalhe nas entrelinhas: não fazia ficção, vivia uma realidade.

Foto - FILM - Dans la maison : 193715Uma vez aceso o estopim, o protagonista segue compartilhando com a esposa (Kristin Scott Thomas) a experiência da "leitura", dando ao texto contornos de um big brother sem câmeras, mas muito sensorial. É assim que o roteiro também pega você, fazendo um paralelo com a realidade de qualquer autor e o mantendo ligado (como sempre deveria ser), querendo saber o que vem a seguir, se algo engraçado, tenso, dramático ou de puro erotismo. No elenco, destaque para o jovem Umhauer, em seu segundo longa, e com postura de veterano. Luchini já é velho conhecido do César (o Oscar francês) e Thomas também é habitué de premiações. Ela, às vezes escondida em produções duvidosas, deu vida aqui a uma marchand de uma galeria de arte louquérrima e ambos seguram muito bem a transição entre os gêneros.

Foto - FILM - Dans la maison : 193715Conhecido no circuito de festivais e premiações, como aconteceu com Potiche - Esposa Troféu (2010) e o bizarro Ricky (2009), o cineasta francês François Ozon retorna ao circuito de prêmios com essa obra pra lá de interessante. O ótimo roteiro é dele e baseado na peça "El Chico de la Última Fila" (O Menino da Última Fila), do premiado dramaturgo espanhol Juan Mayorga. Assim, Dentro de Casa se revela um delicioso e intrigante jogo, não entre gato e rato, mas entre mestre e pupilo. Em um dado momento, existe uma troca de posições, mas somente um tem a real noção de que isso está acontecendo. E ninguém parece disposto, como nas brincadeira infantis, a pedir altos. Seja bem-vindo então à uma história fora do comum, excitante, com começo, meio e um bom fim.
Quer ver mais críticas?
  • As últimas críticas do AdoroCinema

Comentários

  • William Howard H.
    Vou assistir hoje. Depois comento o que achei. Abs
  • Juraci Gon?alves Junior
    Como disse Juliana, Roberto Cunha trouxe um detalhe importante do filme. Este, por sinal, é espetacular! Um suspense capaz de prender o espectador e, muitas vezes, confundi-lo. Como tem feito falta filmes inteligentes! Tá aí um deles! Aproveitem!
  • Marcilio
    Excelente filme! Fui assistir pensando que não deveria esperar tanto, mas, surpreendeu.
  • Rafael B.
    Um filme inteligente sem sombra de dúvidas. Recomendo!
  • Julio Cesar F.
    Como dizem os franceses... magnifique
  • Ivonete S.
    Achei a sinopse e a crítica do filme interessantes e, com certeza, pretendo vê-lo.
  • Leandro S.
    Assisti e realmente fiquei surpreso. Apesar de ter visto o trailer antes e bons comentários na época, não esperava tanto. Muito bom mesmo e ainda está em cartaz em alguns cinemas.
  • Cirineu P.
    Roberto Cunha revelou muito do filme em sua crítica, lastimável...
  • Karina S.
    Sensacional! O filme consegue prender do começo ao fim, um dos melhores filmes que vi esse ano.
  • Fred Coelho
    Boa análise do filme Roberto Cunha !
Mostrar comentários
Back to Top