Meu AdoroCinema
  • Meus amigos
  • Meus cinemas
  • Notas Express
  • Minha coleção
  • Minha conta
  • Promoções
  • Desconectar
Violette
Nota média
4,0
10 publicações
  • New York Times
  • Cinemascope
  • Almanaque Virtual
  • Estado de São Paulo
  • Télérama
  • The Hollywood Reporter
  • Variety
  • Cineweb
  • Folha de São Paulo
  • Critikat.com

Cada revista ou jornal tem seu próprio sistema de avaliação, que será adaptado ao sistema AdoroCinema, de 0.5 a 5 estrelas.

10 críticas da imprensa

New York Times

por Manohla Dargis

Simone [de Beauvoir] se torna uma inspiração para Violette, bem como um frio e distante objeto de desejo, e tal relação fascina por motivos óbvios. Mais importante, soa real em suas complexidades e contradições, em seu impulso emocional e sua retração psicológica.

A crítica completa está disponível no site New York Times

Cinemascope

por Joyce Pais

Mais do que um drama de época, o filme é o retrato sincero de uma mulher que precisou vencer primeiro a si mesma para deixar sua marca na história da literatura.

A crítica completa está disponível no site Cinemascope

Almanaque Virtual

por Samantha Brasil

Diretor que gosta de retratar a vida de artistas marginais e pouco conhecidos do grande público, [Martin] Provost nos brinda com esse filme de fotografia belíssima assinada por Ives Cape e figurino acertado que se passa na França do final da Segunda Guerra Mundial. Apesar da longa duração não perde o ritmo e a biografia não fica marcada pelo fato de se contar sobre a vida de uma personagem esquecida pela história.

A crítica completa está disponível no site Almanaque Virtual

Estado de São Paulo

por Luiz Zanin

Sandrine está ótima. Agora, Emmanuelle é qualquer coisa de indescritível. Seu trabalho de composição de uma personagem desesperada toca, às vezes, o sublime. [...] Com todas as limitações (a principal delas é que o desvario da personagem não entra no estilo do filme), "Violette" nos comove.

A crítica completa está disponível no site Estado de São Paulo

Télérama

por Pierre Murat

Entre Emmanuelle Devos, atriz do imperceptível, e Sandrine Kiberlain, impassível, com uma máscara impenetrável colocada no rosto, os encontros tornam-se momentos fascinantes de pureza. Um irrealismo absoluto.

A crítica completa está disponível no site Télérama

The Hollywood Reporter

por Boyd van Hoeij

Um filme que tropeça ao sair do bloco de partida, mas aos poucos se transforma em um filme de época muito bem trabalhado e realizado, que ilumina a vida - e, especialmente, a vida interior - da autora francesa Violette Leduc.

A crítica completa está disponível no site The Hollywood Reporter

Variety

por Scott Foundas

Violette Leduc ganha uma biografia digna de sua vida e seu trabalho complexos em "Violette". [...] O diretor Martin Provost oferece seu olhar afiado, porém afetuoso, à mulher íntegra e profundamente contrária às convenções sociais e artísticas de sua época.

A crítica completa está disponível no site Variety

Cineweb

por Nayara Reynaud

"Violette" tem como êxito mostrar o quanto a escrita serviu como processo de apaziguamento destes fantasmas que a perseguiam. Afinal, na tela do cinema, Leduc parece só ter encontrado seu lugar quando viu o quanto suas páginas significavam para os leitores...

A crítica completa está disponível no site Cineweb

Folha de São Paulo

por Cássio Starling Carlos

Mais que um supérfluo drama biográfico, "Violette" atualiza, para nossa época que confunde literatura, autoficção e autopromoção, questões mais fundamentais, como "para que se escreve?' e "para quem se escreve?".

A crítica completa está disponível no site Folha de São Paulo

Critikat.com

por Clément Graminiès

Emmanuelle Devos acaba encontrando o tom certo, ingrato em seu excesso, comovente em sua rebeldia. É portanto fora do tempo e do contexto histórico [...] que "Violette" consegue existir.

A crítica completa está disponível no site Critikat.com
Quer ver mais críticas?
  • As últimas críticas do AdoroCinema
Back to Top