Meu AdoroCinema
O Pequeno Príncipe
Média
4,5
1015 notas e 92 críticas
42% (39 críticas)
29% (27 críticas)
20% (18 críticas)
5% (5 críticas)
3% (3 críticas)
0% (0 crítica)
Você assistiu O Pequeno Príncipe ?

92 críticas do leitor

Eduardo Santos
Eduardo Santos

Segui-los 50 seguidores Ler as 170 críticas deles

3,0Legal
Enviada em 26/08/15

O cultuado livro de Antoine Saint-Exupéry, o terceiro livro mais vendido da história, que influenciou e, utilizando um verbo muito importante para o próprio príncipe, “cativou” gerações, foi tido como base para esta animação dirigida por Mark Osborne (responsável por Kung Fu Panda e outras animações). Não devemos comparar o livro com o filme, mas é impossível não relacionar uma coisa à outra. A obra de Saint-Exupéry é obrigatória, poética, e até mesmo ouso dizer de difícil assimilação, pois usa vocabulário deveras caprichado e o livro em si não me parece tão infantil assim justamente devido a todas as entrelinhas e complexidade interpretativa. Isso se mostra também no filme, nas partes em que o estilo de animação stop-motion toma conta da tela. Na verdade, essas são as melhores partes do filme, pois remetem diretamente ao livro, e além desta parte da animação ser extremamente bela, é onde são mostrados os trechos mais importantes, contundentes e bonitos do filme. Há um cuidado tão belo com essas passagens do livro (pois quando o stop-motion surge trata-se do livro sendo citado), que parece que estamos diante de dois filmes diferentes. A ideia de ter o aviador como contador da história do príncipe para uma menina e não para o espectador simplesmente, como que para passar adiante a beleza da fábula, é muito bem vinda. Os personagens são carismáticos, a animação muito bem realizada e a leveza é cativante. Contudo, o filme soa bastante irregular; enquanto o stop-motion funciona todo o tempo, o restante da animação parece por vezes deslocada, e o roteiro abre margem para um terceiro ato bastante desapontador. A busca da menina pelo príncipe faz com que o filme perca muito de sua força narrativa, e acaba resvalando numa série de situações muito desestimulantes e açucaradas, e que destoa por demais do restante do filme. Com essa caída de ritmo e de tato, o filme se perde em seu potencial, e acaba tornando seu desfecho genérico e pálido. Não emociona como poderia, apesar da belíssima mensagem. Acaba deixando aquele gostinho de decepção. Apesar disso, é um filme bastante bonito, mas que de forma alguma alcança a profundidade e o impacto que uma adaptação do livro poderia supor, mesmo tendo a história do Pequeno Príncipe somente pincelada como pano de fundo. Certamente agradará a maioria do público, mas que poderia ser melhor, ah isso poderia.

alberlia
alberlia

Segui-los 10 seguidores Ler as 66 críticas deles

4,0Muito bom
Enviada em 30/08/15

Lindo filme. Para nós, pais, e crianças acima dos 10 anos. Menores não vão entender. Faz - nos repensar as cobranças dos dias atuais e a necessidade do lúdico na nossa vida .

Kênnia  T.
Kênnia T.

Segui-los Ler a crítica deles

5,0Obra-prima
Enviada em 04/09/15

Encantador! Foi fiel ao livro e colocou a história de uma forma adulta e ao mesmo tempo infantil. Um filme que os pais definitivamente deveriam assistir com os filhos.

Luciana R.
Luciana R.

Segui-los 7 seguidores Ler a crítica deles

5,0Obra-prima
Enviada em 11/12/14

O Pequeno Príncipe não é um livro infantil. Sua mensagem impacta as mais diversas gerações. Desde a década de 40 se tornou um dos livros mais vendidos em todo o mundo. Amo!

Artur R.
Artur R.

Segui-los 6 seguidores Ler as 7 críticas deles

2,0Fraco
Enviada em 24/08/15

Não vá com sono, senão dormirá. Brincadeiras à parte, não é um filme para criança (meu filho de seis anos não gostou). Acredito que seja um filme para quem gosta da literatura e seja um crítico de cinema. Como eu não sou, também não gostei. Espero ter ajudado.

Daniel N.
Daniel N.

Segui-los 34 seguidores Ler as 364 críticas deles

5,0Obra-prima
Enviada em 21/11/15

Lúdico. Delicado. Inteligente... lindo filme. Para todas as idades (embora talvez não seja para todos os corações).

Tassiana
Tassiana

Segui-los 4 seguidores Ler as 41 críticas deles

3,5Bom
Enviada em 05/09/15

Por se tratar de um livro tão famoso e de uma história tão doce e que fez parte de nossa infância, já rola um saudosismo e de certa maneira, uma afinidade antes mesmo de assistir ao filme. “O Pequeno Príncipe” nos deixa com saudade da criança que fomos e que somos, de certa maneira. É sutil e mágico. Parece que alegrias de infância e falta de responsabilidades são coisas que não existem mais hoje no mundo das crianças, a julgar por suas agendas lotadas: colégio, atividades físicas, cursos de línguas, terapeutas, psicólogos (este último faz sentido, não é mesmo?). Quem sabe tornaram-se adultos em miniatura! Os contrastes do filme – o mundo da menina e o do aviador – nos fazem refletir sobre esse contexto e do quanto a alegria e as tais “bobagens essenciais” nos fazem mais felizes e mais leves. As técnicas de animação são um charme, em especial as cenas do pequeno príncipe. Assim como Pete Docter de “Divertida Mente” se inspirou em sua filha, Mark Osborne teve seus filhos como referência, algo inclusive que tem dado certo nas telonas. O livro de Exupéry é lindo, sensível e sempre atual, e o longa-metragem conseguiu inovar com qualidade e bom gosto, respeitando a essência da obra.

caloni
caloni

Segui-los 5 seguidores Ler as 71 críticas deles

5,0Obra-prima
Enviada em 29/08/15

Chegou um momento em O Pequeno Príncipe, “remake” do livro homônimo e os filmes que fizeram sobre ele, em que eu não me conformei com a perfeição narrativa, estética e temática do filme. Queria porque queria encontrar pelo menos um errinho, uma falta de ritmo, um diálogo mais ou menos. Nada. Foi tudo em vão.

Erick Vinicius D.
Erick Vinicius D.

Segui-los Ler a crítica deles

4,5Ótimo
Enviada em 25/08/15

Acho que fiz o caminho inverso: Li a crítica antes de ver o filme, e vi o filme antes de ler o livro. Aliás, foi por preguiça que não li o livro, confesso. Agora sei o que perdi... Não há notícias nem dados que nos informem os níveis de insolação e desidratação pelos quais Antoine de Saint-Exupéry e seu companheiro de voo passaram quando caíram no deserto do Saara. Mesmo Assim, dizem que os nossos limites físicos e psicológicos conseguem extrair o melhor de nós. Com o aviador francês não foi diferente, e o que ele escreveu pode ser chamado de epifania filosófica. Muita gente concordaria comigo. Anos depois da publicação original e de inúmeras traduções, reedições e tentativas (frustradas, talvez?) de adaptação para a sétima arte, pelas mãos de Mark Osborne (que expressou seu medo de arruinar o livro) vem talvez a melhor (na minha opinião, ou uma das melhores) adaptação até agora, mesclando trechos inteiros (conservando a linguagem) do livro com maneiras de ilustrar as metáforas do livro. Como na crítica (que, aliás, eu li aqui mesmo no AdoroCinema.com), o filme perdeu a chance de se tornar genial por alguns ínfimos detalhes, mas, imerso na trama, você nem liga pra fantasia às vezes absurda que o filme segue. É até um tanto estimulante. Ainda na minha opinião, o filme oferece reflexão para adultos, imaginação para crianças e diversão para ambos. Apesar de não ser 100%, concorre, a meu ver , ao Oscar de melhor animação e melhor roteiro adaptado. Recomendo a quem quiser assistir. Meninas, tentem não chorar! (risos)

Priscilla C.
Priscilla C.

Segui-los 3 seguidores Ler as 6 críticas deles

5,0Obra-prima
Enviada em 22/08/15

Filme muito bem feito! Incrível como seguiu o livro mesmo com adaptação de alguns personagens como a garotinha, sua mãe e o pequeno príncipe adulto. 💙 Adorei, sou muito fã do livro !

Quer ver mais críticas?
  • As últimas críticas do AdoroCinema
Back to Top