Notas dos Filmes
Meu AdoroCinema
    Meu Amigo Enzo
    Críticas AdoroCinema
    2,5
    Regular
    Meu Amigo Enzo

    Cartilha para fazer chorar

    por Francisco Russo
    Pegue uma história edificante, na qual o personagem principal precisa superar um punhado de adversidades, sempre com garra e respeito a todos ao redor. Espalhe à vontade a amizade por toda uma vida com um cachorro, daquelas inesquecíveis, com direito a doses fartas de memórias nostálgicas por parte do espectador. Salpique um quê filosófico, através de comparações entre a vida e o automobilismo com um fundo de autoajuda. Não deixe de adicionar um punhado de situações dramáticas, daquelas de apertar o coração por envolver ora uma criança, ora o tal cachorro. Após 109 minutos de cozimento o resultado é Meu Amigo Enzo, a nova receita de bolo a aportar nos cinemas com a promessa de que, em algum momento, te levará às lágrimas.


    Brincadeiras a parte, é impressionante como a adaptação do livro "A Arte de Correr na Chuva", de Garth Stein, é formulaica. Partindo da premissa da tal amizade entre um piloto de corridas e o Enzo do título, o longa-metragem discorre sobre os altos e baixos da vida a partir do olhar do próprio cachorro, com direito a observações bem peculiares segundo a lógica canina. Tudo, é claro, temperado de forma a evitar maiores conflitos entre o cão e seu dono, por vezes até mesmo recorrendo a facilitadores de roteiro de forma a escapar de tais atritos - especialmente em relação ao nascimento do bebê, quem passou pela experiência sabe bem.

    Ainda assim, é através do olhar de Enzo que o longa-metragem entrega seu melhor. Em vários momentos a câmera busca seguir o ângulo de visão do próprio cão, assim como é sua a perspectiva que narra a história, através da voz rouca de Kevin Costner - na versão original - em comentários espirituosos. Apenas no ato final, devido à impossibilidade de Enzo acompanhar presencialmente os acontecimentos, é que a voz de fala é transferida para seu dono, Denny Swift, interpretado pelo limitado Milo Ventimiglia.


    Para os brasileiros, há ainda uma curiosa particularidade em relação à comparação do personagem principal com Ayrton Senna, graças à habilidade de ambos em corridas sob chuva. Por mais que o filme salpique aqui e ali cenas de corridas verídicas, e há referências ao automobilismo que farão a alegria dos fãs, no fim das contas o esporte serve mais como analogia à necessidade de assumir o controle de sua própria vida do que propriamente em apresentar seus bastidores. Ou seja, é mais conjuntura do que propriamente essência do longa-metragem.

    Por mais que até seja correto no desenrolar de sua história, Meu Amigo Enzo peca bastante pelo tom esquemático de sua narrativa, que o deixa não só engessado mas também previsível. Também devido à equivocada decisão em iniciar o longa-metragem com uma cena de Enzo doente, precisando ser carregado pelo dono rumo ao veterinário, o que de imediato retira do espectador a surpresa diante de vários fatos que ainda estão por vir. Ao mesmo tempo, escancara de imediato o propósito deste filme: te fazer chorar, custe o que custar.
    Quer ver mais críticas?
    • As últimas críticas do AdoroCinema

    Comentários

    • Juliana Simões
      O filme é maravilhoso, parece que os críticos sempre vão achar um defeito, cá entre nós eles acham muito mais defeitos do que qualidades, é um filme pra curtir e aquecer o coração, é melhor esquecer desse blá blá blá dos críticos que são tão cansativos e tão donos da verdade affff
    • João Romildo Ruiz
      Quando o crítico não fala bem é pq o filme é bom.Filme maravilhoso! Recomendo
    • Beto/SP
      Excelente filme. Ótimo tributo ao Airton Senna e a quem acredita na vida após a morte!. Nota 5..ou 1.000!. Pergunta a todos: Você vive a sua vida se espelhando no Airton Senna ou Nelson Piquet?....Eu com certeza me espelho na vida do Airton Senna
    • Mylenna Taja Trevisani
      Não vi o filme ainda, então não posso falar sobre o roteiro. Mas o que foi colocado no texto sobre o início do filme com o Denny levando o Enzo pro vet é colocado no livro também. Começamos a ler o livro já sabendo que são os ultimos momentos de vida do Enzo e a narrativa nada mais é que ele mesmo lembrando da sua trajetória de vida ao lado do dono. O livro é muito sensível e a história é muito emocionante. Ainda não tive chance de ver o filme mas quero fazer isso o quanto antes!
    • noticiasehumakaka
      esse filme é muito bom... e esse critico ai na boa... que cara chato, sem graça... dizer que o filme previsivel é loucura... filme é muito bonito serio mesmo.
    • Ítalo Saraiva
      Perfeito Daniel! Eu também fico sem entender quando os críticos vêem como algo negativo tal propósito. Pra mim filme bom é aquele piegas, idealizado, cheio das mais diversas emoções.
    • Daniel S
      Qual é o proposito de um filme? Te emocionar, contar uma historia, filosofar, ensinar algo. Enfim, se não é isso que vocês críticos esperam, mudem de profissão, porque não entenderam nada na faculdade! Filme LINDO, assistam sem medo! Emocionante, tocante, linda historia, atores muito bem, Milo Ventimiglia está muito bem sim, Amanda Seyfried então nem se fala! Filme que toca fundo na alma!
    Mostrar comentários
    Back to Top