Meu AdoroCinema
Esquadrão Classe A
Críticas AdoroCinema
4,3
Ótimo
Esquadrão Classe A

Diversão de grosso calibre

por Roberto Cunha

O maior medo antes de assistir uma sessão fechada deste filme foi lembrar que a bomba Força Policial era do mesmo diretor. Mas a grata surpresa foi ver que Joe Carnahan fez de Esquadrão Classe A um longa de ação de alta patente e o melhor: carregado de bom humor. E se você faz parte do time que nunca ouviu falar do seriado, não esquenta a cabeça porque não precisa ser fã para entender. O roteiro é enxuto e bem estruturado, explica bem os personagens e ninguém vai precisar de GPS para se achar na história.

A sequência inicial, inclusive, é um tremendo cartão de visitas. Se tem mentira? Claro!!! Mas o mais legal é não sentir o menor incômodo com isso. Embora na vida real, mentir seja alvo de controvérsias, no cinema, quando bem feito, é uma arte. Então seja bem vindo! As cenas são de tirar o fôlego. Como a do cais do porto que consegue, num breve momento, misturar cenas dignas de Homem Aranha e 2012. Para a turma que gosta de pescar citações, tem de tudo. Para os antenados em jogos, tem "Call of Duty", em música, tem Steely Dan, e teve até uma fusão bem humorada de Blue Man Group com o personagem de Mel Gibson em Coração Valente.

No filme, Hannibal Smith (Liam Neeson) e seus amigos mercenários a serviço (?) do governo americano se envolvem numa trama bem bolada, cheia de reviravoltas, sobre falsificação de dólares em Bagdá. Com texto inteligente (dentro do possível) e ação com criatividade (a cena na cabine fotográfica é um exemplo), é rápido, tem ritmo crescente, boa edição, trilha coerente e um elenco coeso que cumpriu muito bem a missão. E num filme onde a honra é a espinha dorsal, a medalha vai para o ator Sharlto Copley (Distrito 9) que, na pele de Murdock, rouba a cena em vários momentos.

Entre as curiosidades para os cinéfilos de plantão, uma cena que remete ao clássico Um Estranho no Ninho seguida de uma "crítica" ao cinema 3D com uma sessão de Fugindo do Inferno. Hilária! Para os fãs do seriado, um dica: não saia antes do final dos créditos porque tem cena adicional memorável. E assim como o Coronel Smith diz adorar quando um plano dá certo, dá para afirmar tranquilamente que Esquadrão Classe A não é um tiro que saiu pela culatra e "a última cartada" (com duplo sentido) de Carnahan tem munição de sobra até para uma sequência.

Quer ver mais críticas?
  • As últimas críticas do AdoroCinema

Comentários

Mostrar comentários
Back to Top