Meu AdoroCinema
    Crepúsculo Vermelho
    Crepúsculo Vermelho
    Duração 2h 06min
    Direção: Anatole Litvak
    Elenco: Deborah Kerr, Yul Brynner, Jason Robards mais
    Gêneros Drama, Romance
    Nacionalidade EUA
    Usuários
    3,1 2 notas
    notar :
    0.5
    1
    1.5
    2
    2.5
    3
    3.5
    4
    4.5
    5
    Vou ver

    Sinopse e detalhes

    Budapeste, novembro de 1956. Uma revolta força a União Soviética a uma intervenção militar. Diana Ashmore (Deborah Kerr), uma inglesa divorciada, tenta tirar do país Paul Kedes (Jason Robards), um húngaro com quem está envolvido. Ele está com um passaporte inglês falso e foi ferido durante a rebelião, sendo que se for pego novamente será o seu fim, pois no passado já tinha sido torturado pelos russos. Entretanto ela tem de enfrentar o major Surov (Yul Brynner), um oficial soviético que submete todo seu grupo a uma série de entraves burocráticos, procurando de toda forma achar algum fugitivo. Além disto ele se sente atraído por Diana.
    Título original

    The Journey

    Distribuidor -
    Ver detalhes técnicos
    Ano de produção 1959
    Tipo de filme longa-metragem
    Curiosidades 1 curiosidade
    Orçamento -
    Idiomas Inglês
    Formato de produção -
    Cor Colorido
    Formato de áudio Mono
    Formato de projeção -
    Número Visa -
    Pela web

    Elenco

    Ficha completa

    Fotos

    Curiosidade das filmagens

    Vários

    - Este é o 2º de 3 filmes em que o diretor Anatole Litvak e o ator Yul Brynner trabalham juntos. Os demais foram Anastacia, a Princesa Esquecida (1956) e Goodbye Again (1961). - Este é o 2º filme em que Yul Brynner e Deborah Kerr atuaram juntos. O anterior foi O Rei e Eu (1956). - Estréia de Jason Robards e Ron Howard no cinema. - Durante as filmagens Yul Brynner sofreu um corte na mão, causado por uma amante que viajou por toda a Europa para en... Leia Mais

    Se você gosta desse filme, talvez você também goste de...

    Mais filmes similares

    Comentários

    • Drica N.
      É um ótimo filme mas só vai gostar quem curte romance psicológico.
    Mostrar comentários
    Back to Top